luveredas











{fevereiro 28, 2015}   Tudo como antes

Demografia Unicamp

Estudo constata que as mulheres continuam sendo as principais responsáveis pela realização das tarefas domésticas no país

 A despeito de terem ampliado a sua participação no mercado de trabalho e de estarem em busca de novos projetos pessoais, as mulheres continuam sendo as principais responsáveis pela realização das tarefas domésticas no Brasil. A constatação é da pesquisa “Trabalho feminino e vida familiar: escolhas e constrangimentos na vida das mulheres no início do século XXI”, desenvolvida no Núcleo de Estudos de População “Elza Berquó” (Nepo) da Unicamp, sob a coordenação da professora Maria Coleta de Oliveira e da pesquisadora Glaucia dos Santos Marcondes. A principal fonte do estudo são os dados fornecidos pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) para os anos de 2001 a 2012. Segundo os dados da Pnad, que é feita anualmente, 90% das mulheres…

Ver o post original 1.258 mais palavras

Anúncios


Demografia Unicamp

O vídeo abaixo, divulgado recentemente, compreende um dos produtos do INCT para Mudanças Climáticas. Entre os depoimentos coletados no vídeo está o do Professor Dr. Roberto Luiz do Carmo, Professor do Programa de pós-graduação em Demografia e Pesquisador do NEPO/Unicamp. O Professor Roberto é também coordenador do subprojeto Cidades do INCT para Mudanças Climáticas.

Ver o post original



Estou certa disso. E como lastimo tanto atraso na educação. Felizmente, há boas ideias sendo postas em prática em alguns lugares. Só precisamos multiplicá-las.

Leonardo Boff

Geralmente o processo educativo da sociedade com suas instituições como a rede de escolas e de universidades estão sempre atrasadas em relação às mudanças que acontecem. Não antecipam eventuais processos e custam-lhes fazer as mudanças necessárias para estar à altura deles.

Entre outras, duas são as grandes mudanças que estão ocorrendo na Terra: a introdução da comunicação global via internet e redes sociais e a grande crise ecológica que põe em risco o sistema-vida e o sistema-Terra. Podemos eventualmente desaparecer da face da Terra. Para impedir esse apocalipse a educação deve ser outra, diversa daquela que dominou até agora.

Não basta o conhecimento. Precisamos de consciência: uma nova mente e um novo coração. Precisamos também de uma nova prática. Urge nos reiventar como humanos, no sentido de inaugurar uma nova forma de habitar o planeta com outro tipo de civilização. Como dizia muito bem Hannah Arendt:”podemos nos informar a vida…

Ver o post original 558 mais palavras



Portal Nacional de Tecnologia Assistiva

Este protótipo tem várias funcionalidades, entre as a possibilidade de subir o assento para alcançar objetos que estão mais altos.

Comentário SACI: “É necessário esclarecer que o termo correto ao se referir a alguém com deficiência é pessoa com deficiência e não “pessoa portadora de deficiência”. Essa revisão do termo “portador” para pessoa com deficiência já havia ganhado muita força em 2006, com a promulgação da Declaração dos Direitos Humanos Fundamentais das Pessoas com deficiência da Organização das Nações Unidas ratificada no Brasil em 2008. Por fim, no dia 03 de novembro de 2010 foi publicada a Portaria n. 2.344 da Secretária de Direitos Humanos da Presidência da República que regularizou oficialmente as terminologias legais aplicadas as leis sobre a matéria, instituindo legalmente o termo Pessoas com Deficiência abolindo de vez o termo portador de deficiência.” de Eduardo Martins de Miranda, Advogado – OAB/BA 36.757

Jorge Silva é engenheiro eletrotécnico…

Ver o post original 277 mais palavras



Portal Nacional de Tecnologia Assistiva

Dispositivo, já testado em animais, substitui células inoperantes da retina

Técnica deve ser testada em humanos dentro de um ano; resolução ainda não é tão boa quanto a da visão normal, porém

Um chip milimétrico com propriedades similares às de um painel de energia solar poderá devolver a visão a pessoas com problemas de retina, a membrana que fica no fundo dos olhos e é responsável por captar a luz.

A técnica teve sucesso com ratos e deve ser testada em humanos dentro de um ano.

Desenvolvido pela Universidade Stanford, da Califórnia, o método foi apresentado nesta sexta no encontro da AAAS (Associação Americana para o Avanço da Ciência), em San Jose. Daniel Palanker, criador da tecnologia, já licenciou sua ideia para a empresa francesa Pixium Vision.

O dispositivo é voltado sobretudo a pessoas que sofrem de degeneração macular –uma doença relativamente comum em idosos– causada por morte de células…

Ver o post original 337 mais palavras



Demografia Unicamp

Por Luiza Bandeira
Da BBC Brasil em Londres
10 fevereiro 2015

Uma cidade em que as pessoas caminhem mais e dirijam menos. Uma cidade em que a vontade da comunidade seja respeitada e considerada no planejamento urbano. Parece um sonho distante?
Para um dos ambientalistas mais respeitados da Grã-Bretanha, esses elementos já estão presentes em favelas brasileiras e poderiam ser um exemplo para as cidades-verdes do futuro.
“Precisamos ser mais sensíveis à forma como as comunidades querem viver junto”, diz o físico britânico (nascido na África do Sul) sir David King, presidente do grupo de inovação urbanística Future Cities Catapult.
“É um processo de construir comunidades, não destruí-las. Construir um ambiente em que as pessoas encontrem seus vizinhos, trabalhem com eles em projetos comunitários”, afirma ele, em entrevista à BBC Brasil.

Mas isso não significa que as favelas sejam um modelo em todos os sentidos. O que King defende é…

Ver o post original 1.262 mais palavras



Demografia Unicamp

HELOÍSA MENDONÇA – El País
São Paulo
17 fev. 2015

Eveli Bacchi veio de uma família grande, mas resolveu ter apenas uma filha. / VICTOR MORIYAMA

Casada há 12 anos, a psicóloga Aline Rosa, de 34 anos, jamais pensou em ter filhos. “Nunca tive um desejo naturalizado e sou contra essa ideia que a mulher só se sente completa quando engravida”, explica. Ela confessa que é bastante cobrada nos espaços pelos quais transita e que a pergunta “quando vocês vão ter um filho?” é recorrente entre familiares, amigos e colegas de trabalho. “As pessoas têm muita dificuldade de aceitar, mas reitero sempre que foi uma escolha dos dois e que a construímos sem culpa. Nunca tivemos essa vontade de ter um bebê”, afirma. Assim como Aline e o marido, um número cada vez maior de casais brasileiros compartilham essa decisão.

Segundo pesquisa do IBGE, a proporção de famílias formadas por…

Ver o post original 924 mais palavras



Leonardo Boff

O Pe. JOSE OSCAR BEOZZO é conhecido como um dos mais sérios  historiadores e teólogos brasieiros. Aqui ele traça o perfil do arcebispo de San Salvador, Dom Oscar Arnulfo Romero, assassinado enquanto erguia o cálice consagrado. Inicialmente, era tido como um bispo conservador, mas foi mudando ao assistir às matanças indiscrimadas que as forças de repressão de seu pais faziam contra o povo, os camponeses e os próprios membros das comunidades eclesiais de base e mesmo contra religiosas e padres como o Pe. Rutilio Grande. Transformou-se no grande defensor dos direitos humanos e dos direitos dos pobres que, segundo a Bíblia, são direitos de Deus. Como estes não têm ninguem para os defender, Deus mesmo os toma sob sua guarda e se coloca do lado deles. Conheci pessoalmente a Dom Romero, durante os dias da grande assembléia dos bispos latino-americanos (CELAM) em Puebla na Colômbia em 1979. Lembro-me que, chamando-me…

Ver o post original 1.471 mais palavras



Portal Nacional de Tecnologia Assistiva

O Biblioteca Falada, projeto de extensão da Faculdade de Arquitetura,
Artes e Comunicação (FAAC) da Unesp de Bauru, tem como objetivo
contribuir para o desenvolvimento das aptidões de audioleitura e
aquisição de conhecimentos para a inclusão social dos portadores de
necessidades especiais visuais. Através da transformação de textos do
impresso para o áudio, eles possibilitam que deficientes visuais
possam ouvir diversos conteúdos literários, jornalísticos e até mesmo
descrições de videoclipes e trailers.

Aberto para todos os alunos, professores e funcionários da Unesp de
Bauru, o projeto hoje conta com nove pessoas que participam de todas
as etapas:
Desde a elaboração e adaptação de roteiros até a locução, edição e
sonoplastia.
“Dessa forma, os participantes conseguem ter uma visão geral e
bastante prática da dinâmica de produção para as mídias sonoras, além
de exercitarem a locução, a produção de áudio (construção de vinhetas,
seleção e mixagem de trilhas), a montagem, entre…

Ver o post original 168 mais palavras



Portal Nacional de Tecnologia Assistiva

A medida foi publicada no Diário Oficial desta segunda-feira (26).

Até o fim de fevereiro a prefeitura deve regulamentar uma lei que
prevê a distribuição de aparelhos auditivos a alunos do ensino
fundamental na rede municipal de ensino de Campo Grande.

A medida foi publicada no Diário Oficial desta segunda-feira (26).

Conforme o texto, a aquisição dos aparelhos será mediante parceria com
a iniciativa privada ou convênios com órgãos públicos.

O benefício será concedido apenas a alunos cuja renda familiar seja
inferior a dois salários mínimos e mediante apresentação de laudo
comprovando a deficiência auditiva.

Fonte: Correio do Estado

Ver o post original



et cetera